Categorias

Adaptação educacional na pandemia

A pandemia foi uma forma de readaptação no em todos os setores. Na área da educação não foi diferente, a tecnologia é um grande aliado.

A pandemia foi um marco na vida e no cotidiano da sociedade! Fomos afetados tanto pessoal, quanto profissionalmente. Uma das áreas com grande impacto foi a área educacional, mais precisamente na forma como os professores da primeira fase da educação (Infantil ao Ensino Médio) se adaptaram para o “novo método de ensino”. Mas qual foi o maior desafio para compartilhar seu conhecimento?

A inovação já era algo muito discutido por profissionais de todos os ramos e organizações que percebiam a necessidade do mundo cada vez mais conectado. A pandemia chegou, e com ela a necessidade de acelerar essa conectividade com a tecnologia foi notável. Sem perspectiva de normalização das aulas presenciais, uma pesquisa realizada pela Educa Insights  mostrou que cerca de 80% das empresas de educação migraram para o ambiente digital em pouco mais de um mês. Os profissionais tiveram que se adaptar.

É notável que os alunos não são os mesmos. Nascidos em um mundo digital e que tem pressa, esperam por um ensino diversificado e dinâmico. A maioria deles pertencem a geração Z ou ALPHA, que já nasceram e cresceram com a tecnologia na palma da mão.

 

E como ficou a relação do aluno e professor devido a essas condições?

 

Bom, esse é um assunto um tanto quanto delicado para tratarmos, porém é necessário. Devemos pensar que os professores e os alunos, antes da pandemia, eram muito mais próximos devido ao contato pessoal diário, e essa transição tecnológica fez com que muitos alunos desistissem de estudar, pois já não tinham mais essa proximidade que, muitas vezes, era visto como um ponto de apoio para o crescimento pessoal e/ou profissional. Isso acabou diminuindo o índice de educação no Brasil.

 

Adaptação com a tecnologia

 

O avanço de plataformas digitais que atendem as necessidades diárias de um corpo docente, um sistema intuitivo, fácil e atrativo, foram grandes facilitadores neste processo. O treinamento recorrente também auxilia as instituições. Além disso, outro fator primordial é a busca desses profissionais em se atualizar e entender que este novo método de ensino não é só uma tendência, e sim, um método definitivo.

Infere-se que é necessária essa conectividade e adaptação dos alunos com seus professores para a educação ter seu primordial… O amor por ensinar e aprender.

 

Autores

Este texto foi pré-elaborado pelos integrantes da segunda turma de onboarding do projeto EDUCA.SWA, que tiveram treinamento de escrita pela Instrutora SENAC Tassia Cristine Coppini.
Autores: Anna Laura, Kaio, Leonardo, Francielle, Daniele, Geovani, Lucas.
Revisão e ajuste: Bruna Evelyn – SEO Grupo SWA

Detalhes do Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.